Página inicial SetaNotícias SetaEnsino Fundamental tem novos currículos

Ensino Fundamental tem novos currículos


02/03/2010

MATRIZES CURRICULARES

Ensino Fundamental tem novos currículos

Matéria publicada no caderno Escolas do jornal Tribuna do Planalto de 28 de fevereiro a 6 de março de 2010

O ano letivo de 2010 nas escolas públicas estaduais está sendo planejado a partir de uma nova orientação curricular. A Secretaria de Estado da Educação está encaminhando a todas as unidades da rede de ensino, ao mesmo tempo em que disponibiliza na Internet, no site www.educacao.go.gov.br, a reorientação dos currículos para o ensino regular, a Educação de Jovens e Adultos e para a correção de fluxo.

As escolas recebem, também, sugestões de sequências didáticas e relatos de práticas pedagógicas. O objetivo é oferecer às escolas os subsídios necessários para que o projeto político pedagógico seja desenvolvido com base nas novas matrizes e sequências didáticas, garantindo que o ensino na escola pública seja cada vez mais eficiente. Entre outras mudanças, a nova política altera o sistema de acompanhamento nas escolas e define novas regras para a correção de fluxo, incluindo currículo diferenciado para os estudantes em defasagem idade/série.

Os novos currículos têm foco na leitura e na escrita e vão funcionar como fios condutores no processo de ensino e aprendizagem, permitindo que a busca do conhecimento seja enriquecida com atividades complementares e com maneiras diferentes de ensinar.

Reorientação curricular
Ao todo, estão sendo disponibilizados e entregues às escolas sete cadernos que contemplam as várias disciplinas do currículo básico, mais as disciplinas de artes. As diretrizes curriculares foram elaboradas pela Secretaria de Estado da Educação, por meio da Coordenação de Ensino Fundamental, em parceria com o Centro de Ensino e Pesquisa e Ações Comunitárias, de São Paulo, a Universidade Federal de Goiás (UFG) e a Universidade Estadual de Goiás (UEG).

A reorientação curricular do Ensino Fundamental inclui os cadernos Direito à Educação – Desafio da qualidade, Um Diálogo com a Rede – Análise de Dados e Relatos, Currículo e Práticas Culturais – As Áreas de Conhecimento, entre outros. Para a definição dos novos currículos, a Secretaria da Educação intensificou o diálogo com os municípios no sentido de identificar as diretrizes para a educação básica nessa fase do ensino.

Matéria publicada no caderno Escolas do jornal Tribuna do Planalto de 28 de fevereiro a 6 de março de 2010.

 

Acesso Rápido